GLOSSÁRIO


Caso de dúvidas, onsultar sempre este glossário onde estão definidos os conceitos apresentados nos artigos.

ATP: Arbitrage Pricing Theory.  Teoria de Arbitragem de Preço, método que calcula o Retorno Requerido de um ativo.
AVALIAÇÃO DE EMPRESA
: Cálculo do Preço Justo Esperado de uma empresa.
CAPM
: Capital Asset Pricing Method.  Método de precificação de bens de capital onde calcula-se seu Retorno Requerido.
CUSTO DE OPORTUNIDADE
: Máximo retorno obtido ao deixar um investimento de igual risco.
CUSTO MÉDIO PONDERADO DE CAPITAL (WACC): Taxa justa ou retorno “mínimo” que uma empresa ou projeto deve ter.  Equivalente à rentabilidade "global" requerida dos finaciadores do investimento.  É chamado em inglês WACC. Quando não tem Dívida de Longo Prazo ele é igual ao Retorno Requerido.
CUSTOS: Dinheiro que se precisa para sustentar parte da receita.
DESPESAS: Dinheiro que se precisa para sustentar parte da receita.
DIVIDENDOS: Dinheiro que pode ser tirado da empresa sem afeitar sua operacionalidade.
DIVIDENDOS FUTUROS: Dividendos calculados em base a uma projeção financeira.
FLUXO DE DIVIDENDOS FUTUROS: É o fluxo de caixa dos dividendos futuros.
INVESTIMENTO: Dinheiro que é colocado em um projeto para obter um lucro.
INVESTIMENTO COM RISCO: Investimento no qual não se conhece o futuro.
INVESTIMENTO SEM RISCO: Investimento no qual se conhece o futuro.
LUCRO: Receita menos custos e despesas.
PREÇO: É o preço de mercado.
PREÇO INTRÍNSECO: É o preço de um ativo calculado como a soma dos Valores Presentes de seu fluxo de caixa futuro onde utiliza como taxa de desconto o WACC.  Este conceito está explicado detalhadamente no artigo "O que olhar no valor de uma empresa".
PREÇO JUSTO ESPERADO: É o Preço Intrínseco.
RECEITA: Dinheiro que entra na empresa como resultado de ser trocado por bens e serviços.
RENDA FIXA: Investimento sem risco.
RENDA VARIÁVEL: Investimento com risco.
RENDIMENTO: Ver Retorno.
RENTABILIDADE: Ver Retorno.
RETORNO: Porcentual do lucro no investimento por período.   É lucro dividido pelo investimento durante um tempo.
RETORNO ESPERADO: É o retorno da projeção financeira da empresa.  É um retorno futuro.
RETORNO EXIGIDO: É o retorno mínimo que um investidor aceita ou exige.
RETORNO
HISTÓRICO: É o retorno histórico do investimento ou de fluxo conhecido.
RETORNO JUSTO: É o retorno igual ao WACC.
RETORNO NATURAL ou PROJETADO: Ver Retorno Esperado.
RETORNO REQUERIDO: Retorno mínimo a exigir pelo risco do investimento.  Quando não tem Dívida de Longo Prazo, ele é igual ao WACC.  Usualmente calcula-se mediante o uso das técnicas de CAPM ou ATP.
RETORNO VERDADEIRO: É o retorno de um investimento de fluxo conhecido.
RISCO: Estado em que o dinheiro pode-se ganhar ou perder em um investimento por não conhecer o futuro.
TAXA DE JUROS: Porcentual do dinheiro recebido (ou pago) em um investimento durante um período de tempo.
VALOR: É o preço Intrínseco.
VENDA: Ver Receita.
WACC: Ver Costo Médio Ponderado de capital.

Este glossário está também no item 10 do artigo "As avaliações econômico-financeiras".

____________________________________________________________________________________________________________________ 

Isaac Hayon Sasson é Engenheiro Mecânico, Executive MBA, especializado em Finanças Corporativas, e consultor nas áreas de avaliação de empresas, projetos de engenharia, construção de fábricas e recuperação de empresas.

E-mail :  isaach@sti.com.br   Portal :  www.valordeempresa.com